Base de conhecimento - Português

NOVO CURSO NA ACADEMIA!

Já estão disponíveis as novas Lições Interativas "Expressões no Designer"

CONFIRA AQUI
PROGRAMA ADAPT!

Destinado às pessoas que foram afetadas profissionalmente pelo COVID-19.

CONFIRA TODOS OS DETALHES
Como manipular legendas em gráficos de barra e linha
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta Agrupar Campos como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:   A ferramenta Agrupar Campos adiciona cada linha de uma entrada de origem (âncora S) a cada linha de uma entrada alvo (âncora T) como novas colunas. Isso é conhecido como junção cartesiana ou cruzada. Se a entrada alvo tem A linhas com B colunas, e a entrada de origem tem C linhas com D colunas, a saída gerada pela ferramenta Agrupar Campos terá A vezes C linhas e B mais D colunas.    Realizar uma junção cartesiana (fluxo de trabalho em anexo, Agrupar Campos.yxwz) Às vezes, você precisa combinar cada linha de uma tabela com cada linha de outra tabela. Se você tiver, por exemplo, uma lista de possíveis clientes e seu inventário de produtos, você pode usar a ferramenta Agrupar Campos para combinar esses dados:     Eu comecei com 26 produtos e 26 clientes, o que resultou em 26 x 26 = 676 combinações possíveis de clientes e produtos. Como a tabela de produtos foi conectada à âncora T (entrada alvo), a saída é ordenada de acordo com essa tabela. Se tivéssemos colocado os clientes como a entrada alvo, a única diferença seria a ordem das colunas ("Cliente" seria a primeira coluna) e das linhas (o registro "Cliente1" ocuparia as primeiras 26 linhas e cada produto seria listado em sequência). Como havia mais de 16 registros na minha âncora S (entrada de origem), eu tive de alterar a configuração da ferramenta Agrupar Campos para permitir isso:     Essa opção é importante porque as junções cartesianas são problemáticas quando você, acidentalmente, tenta agregar uma quantidade muito grande de registros.       Agregar um único registro a todo o conjunto de dados   (fluxo de trabalho em anexo, Agrupar Campos.yxwz) Às vezes, você pode precisar adicionar uma mesma informação a todos os registros. Esse é o cenário perfeito para usar a ferramenta Agrupar Campos. Vamos supor que você tenha um conjunto de dados com nomes de cores (com possíveis repetições). Em uma tabela-mestre, você tem cada cor listada juntamente com um valor. Seu objetivo é permitir que o usuário escolha uma cor e, a partir disso, retornar todos os registros com valores menores ou iguais ao valor da cor selecionada. Para acompanhar de perto os detalhes deste exemplo, baixe o fluxo de trabalho em anexo e abra-o no Designer.   Etapa 1 - Primeiro encontramos em nossa tabela-mestre o valor da cor selecionada pelo usuário:     O usuário escolheu "Azul". Ao examinar a tabela-mestre, descobrimos que o valor vinculado a Azul é 10.   Etapa 2 – Nosso conjunto de dados original possui apenas cores, não possui a coluna com os valores. Para adicionar os valores ao nosso conjunto de cores, vamos usar a tabela-mestre e a ferramenta Encontrar e Substituir (você também poderia usar a ferramenta Junção, se não se importa de esperar um nanossegundo enquanto a ferramenta ordena os dados da saída J):     Agora, cada registro está associado a um valor no nosso conjunto de dados. Tudo correndo perfeitamente!   Etapa 3 – Ferramenta Agrupar Campos para agregar a cada linha o valor da cor selecionada pelo usuário, que será nosso valor máximo! Depois usamos a ferramenta Filtrar para selecionar apenas os registros com valor inferior ou igual ao valor máximo. O fluxo final fica assim:       Observe que nós configuramos a ferramenta Agrupar Campos para alterar o nome da coluna de valores conectada à âncora S, de "Valor" para "Valor Máximo". Também desmarcamos a coluna de cores da entrada S:     Perceba que a ferramenta Agrupar Campos tem todas as mesmas opções e funcionalidades da ferramenta Junção para alterar os dados (funcionalidade Selecionar incorporada).       Acrescentar a data e a hora atual a todos os registros   (fluxo de trabalho em anexo, Agrupar Campos.yxwz) Vamos supor que você deseja que cada registro em seu conjunto de dados tenha um carimbo de data/hora na saída. Porém, você quer que todos os registros tenham o mesmo carimbo de data/hora, de quando o fluxo de trabalho começou. Isso impede o uso da ferramenta Fórmula, que recalcularia a data/hora para cada registro, ou seja, geraria carimbos com alguns segundos de diferença. Uma forma simples de realizar isso é usando a ferramenta Agrupar Campos. Vamos usar a ferramenta Gerar Linhas para obter o carimbo de data/hora e, depois, agregá-lo a todos os nossos registros:     Eu alterei as conexões às âncoras S para torná-las sem fio. Assim, o fluxo de trabalho fica com uma aparência mais limpa:       E era isso! A ferramenta Agrupar Campos é basicamente uma ferramenta Junção que não apresenta as diferentes condições de junção e que tem apenas uma saída, a J. Veja a documentação de ajuda da ferramenta Selecionar para conferir mais opções relacionadas à funcionalidade Selecionar incorporada na ferramenta Agrupar Campos.   A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta Agrupar Campos! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o   Blog da Comunidade   compartilhando suas experiências e nos contando como e para que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um blog, envie um e-mail para   flavia.brancato@alteryx.com   para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da   Base de Conhecimento   para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @patrick_digan na Comunidade em inglês
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta União como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:   A ferramenta União, que pode ser identificada na categoria Junção pelo desenho de um DNA, aceita como entrada múltiplos fluxos de dados e os combina em um só fluxo unificado. Enquanto a ferramenta Junção combina conjuntos de dados horizontalmente (seja por um ID ou pela posição dos registros), a ferramenta União combina os conjuntos verticalmente. Não é muito diferente de duas cadeias de ácidos nucleicos sendo unidas para formar a dupla hélice de DNA...   Sim, sim... nós sabemos que os trocadilhos já são parte do nosso DNA! Mas além de bons trocadilhos, a ferramenta União oferece várias aplicações incríveis! Confira a seguir:   Empilhar registros Você tem vários conjuntos de dados com campos em comum? Empilhe-os em um único fluxo com a ferramenta União, seja manualmente ou com base no nome ou na posição dos campos:                                                       Não se preocupe, os seus conjuntos de dados não precisam ser idênticos. Os campos que não são comuns aparecem no final da tabela e são preenchidos com valores nulos quando não são encontrados em outro conjunto de dados.     Criar junções diferentes A ferramenta Junção do Alteryx tem três saídas: Esquerda (L), Junção (J) e Direita (R)   Elas funcionam desta maneira:   Se você está acostumado com a cláusula JOIN do SQL, essas são as junções esquerda, interna e direita, respectivamente. A ferramenta União permite combinar facilmente essas saídas de Junção (as áreas sombreadas nos círculos acima) para criar outras configurações de junção do SQL mais complexas, como abaixo:     Combinar elementos de relatório verticalmente Basta conectar seus elementos de relatório e especificar uma ordem de saída na ferramenta União para empilhá-los verticalmente (sem a necessidade de criar um único elemento de relatório a partir da combinação, como acontece com a ferramenta Layout Visual).     Criar desvios em aplicativos/macros com a ajuda de Contêineres de Ferramentas     Confira o fluxo de trabalho em anexo (União.yxmd) para ver de perto os exemplos mostrados acima (empilhar registros, criar junções e combinar elementos de relatório). Se quiser aprender em detalhes como configurar as ferramentas União e Junção, confira as lições interativas Combinar dados com a ferramenta União e Combinar dados com a ferramenta Junção.   A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta União! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o Blog da Comunidade compartilhando suas experiências e talvez nos contando como e para o que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um Blog, envie um email para flavia.brancato@alteryx.com para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou, talvez, qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da Base de Conhecimento para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @MattD na Comunidade em inglês 
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta Selecionar como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:   A ferramenta Selecionar  do Alteryx Designer é como aquela pessoa que foi especial para você durante o ensino médio: sempre lá quando você precisava, ajudando você a descobrir mais sobre si mesmo.  A ferramenta Selecionar pode fazer exatamente isso, mostrando o tipo e a estrutura dos seus dados, mas também oferecendo a flexibilidade para modificá-los.   A ferramenta Selecionar é útil para alterar todos os tipos de dados no Alteryx: numéricos, cadeias de caracteres, objetos espaciais, data/hora...   Um dos tipos numéricos mais populares é o decimal fixo (FixedDecimal). Ele permite que você especifique um determinado nível de precisão para os seus valores. Devido a arredondamentos, isso é particularmente importante ao examinar valores monetários.   Os dados do tipo Int (Int16, Int32, Int64) são uma forma de melhorar a velocidade do processamento, reduzindo o tamanho da cadeia dos campos numéricos.   Se você tem caracteres especiais complexos (por exemplo, caracteres chineses), você pode escolher uma cadeia de caracteres ampla de comprimento variável (V_WString) para poder utilizá-los.   Não somente o tipo, mas também a aparência dos dados pode ser manipulada com a ferramenta Selecionar, que permite a você renomear, reordenar e excluir campos.      Uma das funcionalidades que muitas pessoas não utilizam é a capacidade de salvar a configuração completa da ferramenta Selecionar. Você pode escolher essa opção para importar a configuração de um conjunto de dados como ponto inicial para configurar um outro conjunto semelhante. Você também pode usar esse recurso quando tem um novo fluxo de trabalho e não é possível copiar a própria ferramenta Selecionar.     A seleção do campo "Unknown" permite a entrada de campos dinâmicos ou desconhecidos. A posição em que você coloca o campo "Unknown" determina em que lugar do arquivo esses campos novos (ou inesperados) serão colocados. Ele vem selecionado por padrão nas propriedades de configuração. Se você não quiser permitir novos campos, basta desmarcá-lo.   Com a opção "Tipo de campo: Forçado", você pode garantir que o tipo de um campo de entrada seja sempre consistente. Isso pode ser útil ao configurar macros.   Por padrão, o Designer reconhece o ponto como separador decimal. Para utilizar vírgulas como separadores decimais, marque a caixa de seleção na parte inferior da janela de configuração. Assim, ao converter dados entre os tipos numérico e cadeia de caracteres, você terá: Se 1776,45 for lido como um tipo String e você convertê-lo em Double, o resultado será 1776.45 quando essa opção estiver selecionada. Se 1776.45 for lido como um Double e você convertê-lo em um tipo String, o resultado será 1776,45 quando essa opção estiver selecionada.   Para saber mais sobre tipos de dados, confira o vídeo de treinamento ao vivo  da Comunidade Alteryx Understanding Data Types. Para aprender mais sobre como configurar a ferramenta Selecionar, não deixe de conferir a lição interativa Formatar dados!   A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta Selecionar! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o   Blog da Comunidade   compartilhando suas experiências e nos contando como e para que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um blog, envie um e-mail para flavia.brancato@alteryx.com   para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da   Base de Conhecimento   para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @JordanB na Comunidade em inglês
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta Texto para Colunas como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:     A ferramenta Texto para Colunas é facilmente a mais utilizada da categoria Analisar, capaz de fazer uma divisão  extremamente rápida de campos delimitados (veja a lição interativa Separar dados em linhas e colunas). Para utilizá-la, você precisa apenas fornecer um campo e os delimitadores e especificar se quer separar os dados em linhas ou colunas (se selecionar colunas, é necessário especificar o número de colunas nas quais distribuir os dados). E pronto! Não importa como você quer dividir as informações, essa ferramenta pode ajudar:     Dividir em campos A ferramenta Texto para Colunas também aceita múltiplos caracteres como delimitadores, mas divide os dados cada vez que qualquer caractere aparece. Veja o fluxo de trabalho em anexo, Delimitadores.yxmd:       Utilizar entradas de ferramentas de Interface Ao utilizar ferramentas baseadas em seleção, a saída muitas vezes é uma cadeia de caracteres de todas as seleções concatenadas:     Para utilizar a saída da ferramenta Caixa de Listagem da imagem acima em seus aplicativos analíticos, basta atualizar um texto de espaço reservado em uma ferramenta Entrada de Texto conectada a uma ferramenta Ação. Depois, deixe que a ferramenta Texto para Colunas faça sua mágica! Ela divide o texto das seleções em linhas de chaves que você pode facilmente combinar de volta ao conjunto de dados de entrada usando a ferramenta Junção (aprenda a Combinar dados com a ferramenta Junção).   O resultado gerado pela ferramenta Texto para Colunas ao analisar as seleções concatenadas acima fica assim:     Agora você pode filtrar somente os itens que o usuário selecionou (Key2 = True) e combinar esses dados com o conjunto original para ver uma lista dos nomes e valores selecionados!     Para entender mais como isso funciona na prática, baixe o fluxo de trabalho em anexo Parsing_aplicativo_analítico.yxwz. Você pode abrir esse arquivo como um fluxo de trabalho comum no Designer, mas não esqueça de usar o botão de varinha ao lado do botão Executar para fazer suas próprias seleções e visualizar os resultados! A abordagem usada no aplicativo foi esta:       Inserir arquivos delimitados (CSV ou de texto) que causam problemas na leitura  Procurar palavras-chave: a ferramenta Texto para Colunas é especialmente útil ao analisar palavras-chave em textos. Com ela, você pode facilmente dividir cadeias de caracteres maiores em linhas de subcadeias com uma única palavra cada e, depois, usar a ferramenta Correspondência Parcial para fazer a correspondência das palavras-chave.   Não sabe quantas colunas você precisa especificar para dividir seu campo? Existe um truque útil para evitar especificar o número de colunas. Se você atribuir um ID de Registro e utilizar a ferramenta Bloco para contar cada ocorrência dos seus registros (que será mostrada na coluna Tile_SequenceNum), você poderá utilizar a Tabela de Referência Cruzada (confira esta lição interativa) para colocar seus dados no formato que você teria caso os dividisse em colunas. Veja esse exemplo no anexo Dividir em linhas.yxmd:       A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta Texto para Colunas! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o Blog da Comunidade compartilhando suas experiências e nos contando como e para que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um blog, envie um e-mail para flavia.brancato@alteryx.com para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da Base de Conhecimento para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @MattD na Comunidade em inglês
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta Amostra como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:   A ferramenta Amostra permite transferir, de maneira seletiva, padrões, trechos em bloco ou amostras dos registros (ou grupos de registros) em seu conjunto de dados. Você tem as opções de ignorar as primeiras N linhas ou incluir as primeiras ou últimas N linhas, os primeiros N% de linhas, 1 de cada N ou, ainda, definir 1 em N chances de incluir cada linha (aprenda mais na lição interativa Gerar amostra de dados). O uso dessas opções é com frequência muito útil no preparo dos dados. Por isso, você encontra essa ferramenta na categoria Favoritos. Embora ela seja ótima para fazer amostragens dos seus conjuntos de dados, você também pode utilizá-la para:   Análise flexível (veja o fluxo de trabalho no anexo Amostra.yxzp) Entradas com formatação semelhante à mostrada acima são especialmente comuns em repositórios de dados transacionais.     Remover a formatação estrutural de tabelas de entrada (frequentemente Excel) (veja o fluxo de trabalho no anexo Amostra.yxzp)   Veja aqui um tutorial mais detalhado sobre como inserir dados que não começam na primeira linha.     Agregar rapidamente valores mínimos/máximos ou primeiros/últimos (ordem cronológica) a todo o conjunto de dados (veja o fluxo de trabalho no anexo Amostra.yxzp)   Isso também pode ser feito em grupos de registros, utilizando a opção “Agrupar por coluna” na configuração da ferramenta Amostra. Os mesmos resultados podem ser alcançados com a ferramenta Sumarizar, que pode aplicar essa técnica a vários campos ao mesmo tempo (veja esta lição interativa).       Com casos de uso assim, a ferramenta Amostra é facilmente 1 de cada N=1.000.000!   A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta Amostra! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o Blog da Comunidade compartilhando suas experiências e nos contando como e para que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um blog, envie um e-mail para flavia.brancato@alteryx.com para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da Base de Conhecimento para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @MattD na Comunidade em inglês
Ver artigo completo
Este artigo faz parte da série Domínio de Ferramentas, uma compilação de contribuições da Base de Conhecimento para apresentar diversos exemplos para as ferramentas do Designer. Vamos nos aprofundar nos usos da ferramenta Fórmula como parte da nossa jornada para dominar o Alteryx Designer:   Combinação, transformação e limpeza de dados... Seja para aplicar fórmulas matemáticas a dados numéricos, realizar operações com cadeias de caracteres em campos de texto (como remover caracteres indesejados) ou agregar dados espaciais (entre muitas outras coisas!), a ferramenta Fórmula é o lugar certo! Com os exemplos fornecidos abaixo, você estará pronto para dominar as muitas funções da ferramenta Fórmula:   Utilize funções de Data e Hora quando tempo for fundamental Escreva instruções condicionais Aplique funções espaciais em vez de utilizar ferramentas da categoria Geografia Aproveite a função Módulo (mod) para reestruturações e cálculos Faça o arredondamento de valores numéricos Remova zeros à esquerda dos dados Converta os números de notação científica (E)   E não para por aí! A ferramenta Fórmula e suas homólogas, Fórmula de Múltiplas Linhas e Fórmula de Múltiplos Campos, são um instrumento completo para manipular os seus conjuntos de dados – e há muitas outras funções para você escolher. Se você está trabalhando especificamente com cadeias de caracteres, o treinamento ao vivo Trabalhando com cadeias de caracteres no Alteryx pode ajudar. Se você está limpando o seu conjunto de dados, confira a ferramenta Limpeza de Dados. Ela torna ainda mais fácil substituir valores nulos, modificar letras maiúsculas/minúsculas, remover caracteres indesejados em todos os campos que você seleciona e excluir espaços em branco.   Veja a seguir um rápido tour pela interface da ferramenta Fórmula.   Coluna de saída   A coluna de saída é especificada no canto superior esquerdo da janela de configuração. Você pode modificar um campo existente selecionando o nome desse campo no menu suspenso ou pode criar um novo campo digitando um nome para ele.       Tipo de dados   O tipo de dados padrão para um novo campo é V_WString, com o comprimento máximo. Você pode alterar o tipo de dados de um novo campo no menu suspenso logo abaixo do editor de expressões.       Menus de variáveis, funções e expressões salvas   Você encontra os menus de variáveis, funções e expressões salvas nos botões à esquerda do editor de expressões.      Ordem das expressões   As expressões em uma ferramenta Fórmula são executadas sequencialmente, em ordem. Para alterar a ordem de uma expressão (o editor pode estar minimizado ou expandido), aponte o mouse sobre a alça de movimentação para ver o ícone de linhas paralelas:     Clique e arraste a expressão para o novo local (a linha azul indica a nova posição):     Agora as expressões estão reordenadas. Observe que as expressões são executadas sequencialmente na ferramenta Fórmula. É possível mover apenas uma expressão por vez.        Remover uma expressão   Para remover uma expressão, o editor pode estar minimizado ou expandido. Para expandir o editor e visualizar a expressão, clique na seta ao lado do nome da coluna de saída:     Clique na lixeira para remover a expressão:       Adicionar expressões à ferramenta Fórmula   Clique no editor de expressões e pressione Ctrl+espaço para ver a lista completa de todas as funções, constantes e campos de entrada:     A ferramenta Fórmula exibe uma lista das funções, colunas e constantes disponíveis:     Uma dica super importante: se você não sabe exatamente para que serve uma função, aponte o mouse sobre ela para ver um texto explicativo:     Ao digitar, os resultados são filtrados automaticamente. OBSERVAÇÃO: digitar "dat", por exemplo, retorna as funções que começam com "dat", assim como as funções que contêm "dat":       Preenchimento automático:   A funcionalidade de preenchimento automático encontra funções relacionadas ao que foi digitado. Por exemplo, se o usuário quer utilizar uma função para calcular a média (função Average) e começa a digitar "av...", o preenchimento automático mostra as funções correspondentes:      Pressione Enter para completar a fórmula:       Existem três maneiras de adicionar colunas a uma expressão:   1. Digitando os nomes das colunas:     2. Utilizando o botão Colunas e Constantes: Clique no botão Colunas e Constantes (1) Procure por colunas digitando o nome da coluna na barra de pesquisa (2) Clique duas vezes no nome da coluna para inseri-la na fórmula (3)   3. Inserir um colchete esquerdo ([) na fórmula. Isso exibe uma lista de colunas e constantes que podem ser inseridas:     A fórmula completa:     Pré-visualização dos dados:   A janela "Pré-visualização dos dados" fica vazia até que o fluxo de trabalho seja executado (caso o fluxo de trabalho já tenha sido executado para a ferramenta imediatamente anterior à ferramenta Fórmula, a visualização estará disponível):     Após executar o fluxo de trabalho:     Após a primeira execução, as fórmulas subsequentes mostram a pré-visualização dos dados.     Se a fórmula contiver um erro, o Designer interrompe o esquema de cores e deixa o resto da fórmula com a fonte em preto. Passe o mouse sobre o erro para visualizar uma mensagem explicativa:       Tamanho de exibição da fórmula:   Pressionar Ctrl + aumenta o tamanho da fórmula:     Pressionar Ctrl - diminui o tamanho da fórmula:     A esta altura, você já deve ter a proficiência de um expert na ferramenta Fórmula! Agora, se você já é um especialista em outras ferramentas do Designer, contribua para o Blog da Comunidade compartilhando suas experiências e nos contando como e para que você usa as nossas ferramentas no seu dia a dia. Se tiver interesse em contribuir com um blog, envie um e-mail para flavia.brancato@alteryx.com para ter acesso à seção.   Toda segunda-feira vamos trazer uma ferramenta nova para a nossa seleção. Com isso, adoraríamos saber qual é a sua favorita ou qual ferramenta você gostaria de ver aqui na Comunidade na próxima semana. Não esqueça de se inscrever no painel da   Base de Conhecimento   para ser notificado das novidades!   *Este texto é uma adaptação do artigo original escrito por @ChristineB na Comunidade em inglês
Ver artigo completo
Rótulos